Bastidores das profissões: diretor de tecnologia

||| O objetivo desta seção é mostrar a você, leitor, os bastidores de diferentes profissões a partir do ponto de vista de quem já se desenvolveu em sua trajetória.|||

Luis Felipe Baqui mora no Rio de Janeiro e é diretor de tecnologia da Sectrans uma empresa de segurança eletrônica para veículos de transporte urbano de passageiros. Nos conhecemos em um dos cursos de Coach que fiz. Além de colega, Felipe foi meu coach, mentor e grande colaborador na realização deste blog.

Na entrevista, Felipe dá dicas importantes e que valem para qualquer carreira sobre como se destacar, como demonstrar liderança e o que é preciso, além do conhecimento técnico, para ser um habilidoso diretor de tecnologia.

Com vocês, Felipe:

O que você faz atualmente? Essa sempre foi sua profissão?
Sou diretor de tecnologia na Sectrans, uma empresa B2B que produz e comercializa produtos de segurança eletrônica para veículos de transporte urbano de passageiros. Sou analista de sistemas, porém comecei a atuar no setor de tecnologia muito antes de me formar, aos 17 anos quando comecei a trabalhar como assistente em uma empresa de projetos de engenharia.

Minhas ocupações anteriores foram assistente de escritório, técnico de eletrônica, desenvolvedor de sistemas, analista de sistemas e agora dirijo uma equipe de desenvolvimento de software e outra de suporte.

Como e quando decidiu por essa profissão?
A tecnologia sempre foi uma paixão para mim. Aos 8 anos eu já estudava tudo que fosse relacionado a computação. Aos 9 ganhei meu primeiro computador, então minha paixão só aumentou. Eu queria entender não só como usar um computador, mas também como ele funcionava, por isso, ao concluir o ensino fundamental, procurei formação técnica em eletrônica.

Ingressei no mercado como assistente de escritório pouco antes de me formar em eletrônica e usei muito os conhecimentos que adquiri em computação para auxiliar na melhoria dos processos internos da empresa aos quais eu tive acesso. Esse trabalho se tornou minha segunda paixão: Automatizar processos e facilitar o trabalho dos colegas. Essa ainda é a minha atividade principal como diretor de tecnologia.

Como é a sua rotina diária? Que tipos de tarefas envolvem o seu trabalho?
Meu trabalho consiste em preparar e apoiar os colaboradores das minhas equipes e identificar os processos que podem ser automatizados dentro da empresa e/ou nas estruturas dos nossos clientes. Como principal atividade eu procuro estar ao lado dos colaboradores, providenciando o que eles precisarem para exercer suas funções, quer seja informação, quer seja algum insumo.

Também participo de reuniões com clientes para avaliar suas necessidades e nosso nível de atendimento às suas demandas, assim como me reúno com as equipes para deixá-los a par de todas as informações necessárias para que eles possam exercer suas atividades com a máxima eficiência.

Que tipo de conhecimento, habilidade e características são essenciais para desempenhar o que você faz?
Conhecimento técnico especializado é muito importante para passar confiança para a equipe de que o líder é capaz de resolver qualquer situação, mas habilidade com pessoas, principalmente habilidades de liderança são fundamentais para exercer qualquer função de direção.

Você tem alguma dica para alguém que queira ser diretor de tecnologia?
Existem alguns passos simples, porém trabalhosos para chegar à posição de diretor de tecnologia.

O primeiro é estudar muito sobre o tema e se manter sempre atualizado. Você deve ter um bom conhecimento geral sobre tecnologia, mas deve focar mais seus estudos em uma área bem específica. Torne-se especialista em algo dentro do vasto campo da tecnologia, isso o fará destacar-se naturalmente.

Após ter um bom conhecimento técnico, invista seu tempo em aprender a lidar com pessoas. Elas são muito mais complexas do que as máquinas, por isso são infinitamente mais poderosas. Lembre-se de que você não chegará a nenhum lugar sozinho. Estude sobre liderança. Há muitos bons livros sobre o tema.

Foque sua energia em gerar valor para as pessoas. Ajude genuinamente a todos que você puder ajudar, pois isso o colocará novamente em destaque.

Mantenha-se visível. Não adianta nada você se destacar tecnicamente ou no relacionamento com as pessoas se você se mantiver apagado no canto. Não tenha medo de ser o primeiro, de falar em público, de apresentar projetos, de expor suas intenções. Se você deseja liderar, tem que estar disposto a ir na frente, abrindo caminho para aqueles que te apoiam.

 

 

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *